Postado em 11 jul 2017

O PHN é a busca para estar na vontade de Deus e viver em estado de graça o “hoje”. Dom Bosco, já no fim de sua vida, estava no andar superior do colégio onde morava e ouvia os seus filhos no andar inferior. Com muito esforço, desceu ao local em que estavam e disse: “Meus filhos, ninguém saia desse retiro em pecado. Se você tem um pecado qualquer, se confesse”. Dom Bosco fez isso com os padres da sua congregação, porque queria que os seus padres vivessem o PHN e estivessem sempre em estado de graça.

 

Essa é a vontade de Deus: a nossa santificação. Que vocês “evitem a impureza, que cada um saiba possuir seu corpo santa e honestamente, sem se deixar levar pelas paixões desregradas como os pagãos que não conhecem Deus” (1Ts 4,3-5). Que beleza! Vamos viver essa verdade, meus queridos jovens. Os que optaram por fazer parte da geração PHN sabem que precisam subir muitos quilômetros, nadando contra a correnteza. É caminhar na contramão de tudo aquilo que o mundo lhes apresenta. Eles sabem que estão em contínua piracema (peixes que sobem os rios para gerarem vida nova). É preciso subir muito, não dá para voltar!

 

A castidade não é tudo na vida de uma pessoa, mas é necessária para uma vida na santidade. Namorados e namoradas devem santificar-se um ao outro, pois essa é a vontade de Deus, que cada um saiba possuir seu corpo santa e honestamente, sem se deixar levar pelas paixões desregradas.

 

Se seu namorado ou noivo lhe pedir uma “prova de amor”, diga não, porque se vocês não viverem isso agora, não conseguirão viver no casamento. Caiu em tentação? Procure um sacerdote, busque o sacramento da confissão e retome o caminho pelos trilhos da graça.

 

Meus queridos, estamos apressando a vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo. A nossa santidade de vida vai apressar a vinda do Senhor. Ele nos pede: Sede Santos! Portanto, lute pela santidade e pela pureza. Vivam o PHN como lema de vida.

 

Seu irmão,

Monsenhor Jonas Abib

Fundador da Comunidade Canção Nova, presidente da Fundação João Paulo II, mantenedora do Sistema Canção Nova de Comunicação, em Cachoeira Paulista (SP) e reitor do Santuário do Pai das Misericórdias. É um dos religiosos que mais se destacou utilizando os meios de comunicação na ação evangelizadora da Igreja Católica, na América Latina. Autor de 57 livros, CDs e DVDs, além de várias palestras em áudio e vídeo.

Mais informações:

  • Telefone: